Manter a limpeza da piscina em dia é essencial para garantir o conforto e a segurança durante os mergulhos. E essa tarefa fica mais simples e eficiente com o uso das ferramentas adequadas. Por isso, neste post, vamos explicar em quais peças você deve investir para montar um kit para limpeza de piscina completo!

Qual a importância da realização da limpeza periódica da piscina?

Além de contribuir para o aspecto estético da piscina, uma boa limpeza também é questão de saúde! Água de piscina suja e com tratamento precário favorece a proliferação de algas e o surgimento de bactérias transmissoras de várias doenças, como diarreia, dermatites, sarna, otite, micose, verminoses, infecções de pele e até doenças como a esquistossomose.

Outra boa razão para não negligenciar a limpeza regular da piscina são os insetos. A água suja e não tratada torna o ambiente favorável à propagação de mosquitos que são vetores de várias doenças, como a malária, a febre amarela e a temida dengue.

Além disso, o entra e sai de banhistas na piscina também acaba gerando um acúmulo de resíduos, micro-organismos e outras sujeiras que podem ser veículos de contaminação, como poeira, suor e resíduos de protetor solar. É claro que o processo de filtração ajuda a reter essa sujeira, mas nem sempre é possível eliminar 100% das impurezas.

Por isso, é importante realizar uma limpeza profunda na piscina periodicamente, para ajudar a manter a água própria para o banho, do jeito como deve ser: clara, cristalina e totalmente livre de bactérias e sujeira.

Quer motivações adicionais para caprichar na limpeza da piscina? Uma limpeza eficiente e na periodicidade adequada facilita a manutenção e economiza água e dinheiro, e contribui para a preservação do meio ambiente, já que evita a necessidade de trocar toda a água da piscina frequentemente.

 

Como montar um kit para limpeza de piscina

Principais itens do kit para limpeza de piscina

Kit para medição de pH e cloro

Um acessório que não pode faltar no kit para limpeza de piscina é um estojo para medição de pH e cloro. Controlar o nível de cloro e o pH da água é fundamental para manter a água da piscina balanceada, desinfetada e saudável, e existem no mercado estojos contendo todos os reagentes necessários para essa aferição.

Peneira

La peneira é um item simples, mas muito importante para facilitar a remoção de folhas, poeira, terra e outras substâncias que caiam na água. Usá-la regularmente evita que esses resíduos se acumulem na superfície e que desçam para o fundo da piscina, dificultando o processo de filtragem.

Cabo telescópico

El cabo telescópico é importantíssimo, pois é basicamente um extensor que pode ser usado para facilitar o uso da peneira, do aspirador e das escovas. Existem cabos de vários modelos e comprimentos, dependendo da profundidade da piscina.

O ideal é que o cabo telescópico tenha um tamanho suficiente para atravessar a piscina de uma ponta a outra, para agilizar a limpeza. Como o equipamento é retrátil, pode ser utilizado mais curto para alcançar objetos e resíduos mais próximos.

Aspirador

El aspirador serve para aspirar resíduos acumulados no fundo da piscina, como areia, terra e folhas. Normalmente, esse equipamento é engatado ao cabo telescópico e conectado à mangueira flutuante.

Existem no mercado aspiradores de piscina manuais, que referem esforço humano para realizar a limpeza e aspiradores automáticos, que podem ser de dois tipos: conectados à mangueira de aspiração e que dependem da bomba de filtração para funcionar; ou 100% automatizado, que dependem somente de estar conectado à tomada para fazer a aspiração.

Escova

La escova de piscina é um dos itens indispensáveis para realizar o tratamento físico, já que atua na remoção de toda a sujeira que se acumula nas paredes laterais e nas bordas. É importante caprichar na escovação para eliminar algas e bactérias que aderem ao revestimento. Isso facilita a ação do cloro e contribui para a manutenção da saúde da água.

Mangueira

La mangueira flutuante é específica para a limpeza da piscina, e é utilizada para facilitar a aspiração do tanque e remover as sujeiras depositadas no fundo de uma forma mais simples e rápida. 

Ela atua como um tubo móvel que retira a camada de água mais baixa da piscina, e é por meio dela que a água chega até o filtro e retorna à piscina pelo cano de retorno.

Quanto ao tamanho da mangueira, é importante escolher um que permita alcançar todas as extremidades da piscina. Na hora da compra, também deve-se levar em consideração a profundidade do tanque para escolher o comprimento adequado.

Como usar o kit para limpeza de piscina de maneira correta?

Como você pode perceber, os itens básicos que compõem um kit para limpeza de piscina se complementam entre si. Por exemplo, a mangueira flutuante é uma grande aliada do aspirador de piscina que, por sua vez, tem seu uso otimizado ao ser acoplado a um cabo telescópico. Do mesmo modo, o uso da peneira facilita o trabalho do filtro, agilizando o processo de filtragem e tornando-o mais eficiente. 

Para quem investir num aspirador automático, o uso da bomba é essencial, assim como uma escovação bem feita facilita o tratamento químico e permite que o cloro livre oxide as algas e bactérias, já que elas conseguem “se esconder” no revestimento para escapar da ação do cloro e, sem a escovação, não são eliminadas.

O que queremos dizer com isso é que todos os produtos do kit para limpeza de piscina têm uma função específica e devem ser usados em conjunto. Ter um arsenal de cuidados com a piscina desfalcado inviabiliza a limpeza e a torna muito menos efetiva. 

Por isso, invista em equipamentos e acessórios de qualidade, como os da linha de produtos para piscina da Nautilus.

Dicas para cuidar da piscina

Verifique o filtro

El filtro é um equipamento indispensável para o tratamento da piscina, já que é responsável por reter e eliminar as impurezas da água. Por isso, é importante manter o filtro sempre limpo, já que filtros sujos diminuem a vazão da água e não realizam o processo de filtragem com perfeição.

Também é importante verificar de tempos em tempos se o filtro ainda está funcionando plenamente, se o material está em boas condições ou se precisa de manutenção. Só assim sua ação continuará eficaz.

Observe os parâmetros da água

Também é importante checar regularmente os parâmetros da água, como o pH, a alcalinidade e o nível de cloro. Para isso, existem kits de medição específicos e muito simples de usar. Caso haja algum desequilíbrio, basta fazer a correção aplicando as substâncias adequadas, na dosagem ideal para o volume da piscina. Assim, você garante uma água pura e própria para o banho.

Observe a cor da água

Outro cuidado essencial é ficar sempre de olho na coloração da água, verificando se está com um aspecto cristalino. Isso é importante porque o acúmulo de algas e partículas em suspensão podem deixar a água turva, esverdeada ou leitosa, ao invés de transparente e com cara de saudável, como deve ser. Observar a cor ajuda a identificar precocemente qualquer alteração e agir para resolver o problema.

Não deixe de limpar o entorno da piscina

Não adianta nada se esmerar no tratamento da água, deixá-la clarinha e quimicamente equilibrada, e negligenciar o entorno da piscina. É fundamental escovar a piscina e remover os resíduos aderidos às laterais e às bordas.  

Além disso, limpe também o piso ao redor da piscina, já que as sujeiras acumuladas ali podem ser levadas pelo vento ou pela circulação dos banhistas para dentro da piscina.

Remova os resíduos que caem na água

Diariamente, pequenos objetos e partículas caem na água da piscina, deixando-a com aspecto sujo mesmo que a água esteja tratada. Por isso, é importante retirar gravetos, grãos de areia, terra, folhas, insetos mortos e qualquer outro resíduo que esteja em suspensão na superfície.

A remoção desses resíduos não é necessária apenas pelo aspecto estético: a sujeira que cai na água pode afetar o pH e desequilibrar os parâmetros, além de contribuir para a proliferação de bactérias que prejudicam a saúde dos banhistas. Por isso, o ideal é que essa limpeza superficial seja feita todos os dias.

Aspire o fundo da piscina

Por fim, de nada adianta remover os resíduos superficiais, que ficam boiando na água, e ignorar as partículas que descem para o fundo da piscina. No caso de resíduos acumulados no fundo, é importante usar o aspirador em conjunto com a mangueira flutuante. 

A aspiração elimina partículas mais densas que o filtro não consegue alcançar e contribui para uma limpeza mais efetiva.

Agora que você já sabe quais são os itens essenciais de um kit para limpeza de piscina, é só entrar no site da Nautilus e escolher os acessórios e equipamentos adequados. Temos uma vasta linha de produtos com tudo o que você precisa para cuidar de sua piscina.

Não se esqueça: se precisar de ajuda para mensurar o volume da piscina e selecionar os produtos na medida certa, basta utilizar o aplicativo de dimensionamento da Nautilus! Baixe o app agora mesmo em nosso site ou nas lojas oficiais ​​Apple Store e Google Play! 

Deixe aqui a sua dúvida ou sugestão.

Fique tranquilo! Com a Nautilus, você pode relaxar até aqui no nosso site. Pensamos em cada mínimo detalhe pra que você tenha uma experiência de conforto e bem-estar. É por isso que o nosso site passa por milhares de testes todos os dias na busca de brechas de segurança que eventualmente ameaçam o ambiente virtual com ataques reais de hackers.  Nós aqui nos preocupamos com isso e nos preparamos muito para evitar estas ameaças.